Calendário

Maio 2016
DomSegTerQuaQuiSexSab
 << <Set 2017> >>
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031    

Anúncio

Quem está conectado?

Membro: 0
Visitante: 1

rss Sindicação

Visualização dos artigos postados: Maio 2016

09 Maio 2016 


DIREÇAO DE ATORES   NO CINEMA  - 
CINEMA ENQUANTO ARTE -  HÍBRIDA
ARTE ESTETICAMENTE DA,  AMBÍGUA,
TRIBUTÁRIA DE OUTRAS LINGUAGENS ARTÍSTICAS ENQUANTO ARTE DE SONAGENS E
SITUAÇOES QUE SE PROJETAM NO TEMPO SE VINCULA AO TEATRO E À LITERATURA:   - 
COMO NO ESPETÁCULO TEATRAL TEMOS OS PERSONAGENS DA AÇAO  ENCARNADOS EM ATORES COMO NA LITERATURA OS
PERSONAGENS ADQUIREM UMA MOBILIDADE, UMA DESENVOLTURA NO ESPAÇO E NO ARTE DO
ATOR DOIS PRINCÍPIOS FUNDAMENTAIS: O corpo humano se torna um meio de
expressão, abandonando seu caráter acidental e facultativo O gesto torna-se, em
si mesmo, uma linguagem de sentimentos e ideias O ator é o homem tornado
personagem que se movimenta numa ação dramática dentro de um espaço e um tempo
fictício.  O ATOR NO TEATRO :
•teatralização: elemento que rompe com a dimensão cotidiana de uma ação •Plano
geral •Necessidade de projetar o movimento para além do palco •O ator
apropria-se do papel vivendo-o junto ao público, na sequência e em tempo real,
a O ATOR NO CINEMA : •Representação do real •Plano aberto/plano fechado
•necessidade de revelar a dimensão dos sentimentos, estados de alma,
pensamentos do personagem •Gestos tem como limite a proporção do frame  - PRIMEIROS FILMES DE FICÇAO encenação
prioritariamente teatral: •câmera imóvel •distancia invariável •incidência
angular uniformemente frontal e sempre à altura do peito e do olhar •ponto de
vista de uma plateia imaginária   CINEMA
MUDO  A pantomima dos corpos buscam
suprir a falta da palavra. Com isso cria-se uma nova linguagem, exprimindo
gestos que são uma espécie de síntese de estados de espírito.   EXEMPLOS DE TEATRALIDADE  LATENTE NO CINEMA •Carlitos •Gordo e o
Magro    CHARLES CHAPLIN "A ação é
geralmente mais entendida do que palavras.(...) Ouça uma descrição de algum
objeto estranho — um javali-africano, por exemplo; depois olhe para uma foto do
animal e veja como você fica surpreso" (Charles Chaplin) CHARLES CHAPLIN O
GAROTO (The Kid) de 1921 O GRANDE DITADOR (The great dictator) de 1940 MÉTODO
“CHAPLINIANO” •Chaplin nunca começou a filmar a partir de um roteiro completo
•A estrutura narrativa emergia do improviso •Improvisava as cenas a partir de
um tema. Por exemplo: "Carlitos entra em um spa" ou "Carlitos
trabalha em uma loja de penhores". •Trabalhava com seu elenco estático
para improvisar  CINEMA FALADO NOVA FORMA
DE CONSTRUÇAO DA NARRATIVA CINEMATOGRÁFICA: •forma de narrativa que se filma de
maneira fracionada (em planos) •planos captados de forma descontinua (por eixo
de luz, por partes do cenário e segundo os problemas e as necessidades de produção)
•os limites do tamanho de plano não são fixos: mudam de tamanho, posição,
altura e podem estar em movimento •O “ponto de vista” do espectador não está
num só lugar. O olhar do NOVA NECESSIDADE TÉCNICA ATORIAL •GESTOS CONTIDOS
•VOLUMES MINIMIZADOS •CONTROLE  A
EXPRESSIVIDADE NA PARTE DO CORPO COLOCADA EM FOCO •ATUAÇÃO DRAMÁTICA
DESCONTINUA COM RUPTURAS E MUDANÇAS TEMPORAIS •CONSTRUÇÃO DO ESPAÇO FORA DE
QUADRO: O OUTRO ATOR OU O CENÁRIO AUSENTES O STAR SYSTEM •Método de criação,
promoção e exploração de estrelas de cinema no cinema clássico de Hollywood.
•Seleçao de jovens atores promissores •Glamorizaçao e criação de personas –
novos nomes, novos backgrounds, comportamento padronizado (clausulas de
moralidade eram comum nos contratos com os estúdios) •Exemplos: Cary Grant,
Joan Crawford, Rock Hudson •Ênfase na imagem mais do que na atuaçao BETTE DAVIS
A MALVADA (All about Eve) de 1950 NOVO IDEAL DE REPRESENTAÇAO: •A partir dos
anos 60 um novo estilo de atuação mais natural emergiu: as singularidades e qualidades
da pessoa do ator passa a ser um novo tesouro • Estilo lista da cinematografia:
cinema como reflexo estético da realidade •A criação do personagem
cinematográfico exigirá do O MÉTODO (“Method acting”) 1930 Influenciada por
CONSTANTIN STANISLAVSKI: Verdade teatral Criada por LEE STRASBERG Método de
Interpretação Para o Ator : técnica onde o ator procura desenvolver em si mesmo
os pensamentos e emoções da personagem 
Os alunos de Strasberg incluem muitos dos mais melhores atores
americanos da segunda metade do século XX tais como: Marlon Brando Paul Newman
Robert De Niro Al Pacino James Dean Dustin Hoffman Marilyn Monroe Jane Fonda
Jack Nicholson Tom Hanks Adrien Brody O MÉTODO •criar em si os pensamentos e
sentimentos de seus personagens e para desenvolver performances orgânicas •Os
atores recorrem as suas próprias emoções e memórias •O método é utilizado para
adquirir realismo na interpretaçao: NON ACTING •Imersão no personagem •“O que
motivaria a me comportar da maneira que o personagem se comporta?” Strasberg
pede para que o ator substitua as circunstâncias do roteiro/peça pelas suas
próprias. (substituição) MERYL STREEP A ESCOLHA DE SOFIA (Sophie`s choice) 1982
AS PONTES DE MADISON (The Bridges of Madison county) 1995 



Admin · 3 vistos · Deixe um comentário
09 Maio 2016 


FILMOGRAFIA



Jacinto  Moreno



 



ATOR



 



01- Vereda Tropical :      Novela da Rede Globo -   Ficção



02- Àrvore de Marcação :     Jussara Queiroz   -  
Ficção -   Longa



03- A  Ilha :     Orlando
Junior  -    Ficção 
-    Curta



04- Funesto :     Carlos Dawling  -   
Ficção  -   Curta



05- Constantino :      Carlos Dawling  - 
Ficção  -     Curta



06- Eu sou o Servo :        Eliezer 
Rolin   -   Ficção 
-    Curta



07- Transubstancial :     Torquato Joel   -  
Ficção  -    Curta



08- O Meio do Mundo :    
Marcos Villar  -   Ficção 
-    Curta



09- Canta Maria:      Ramalho Junior -    Ficção 
-    Longa



10- Debaixo dos Lençóis :    
Mabel Dias   -   Documentário 
-   Curta



11- O Sonho de Inacin :      Eliezer Rolin  -  
Ficção  -    Longa



12- Água Barrenta :      Thiago Penna   -  
Ficção  -     Curta



13- Mata Sete :       Gláucia Guimarães   - 
Documentário  -    Curta



14- Geração Saúde 2:   
Danielle  Cucchiarelli  - Minisérie 
-   FicçãoLonga



15- Viventes :      Jacinto Moreno  - 
Ficção –    Curta



16  
-   Bem me quer, Mal me quer

  - 
Marcos Veloso -Ficção  - Curta



 



 



 



AUTOR/DIRETOR



 



O Anjo e a Serpente:       Jacinto Moreno  - 
Ficção  -  Média/Curta



Geraldo por Geraldo:    
Jacinto Moreno  -  Documentário – Média/Curta



Táxi :        Jacinto Moreno  - Ficção 
-  Curta



Viventes :   
Jacinto Moreno  - 
ficção  - Curta



Um dia antes do Natal   
-   Jacinto Moreno   -  
Ficção  -  Curta



Uma Luz no Fim do Túnel 
-   Jacinto Moreno  - Ficção 
- Curta



CAMINHANTE      –      
Jacinto Moreno – Ficção -  Curta



APARIÇÃO -  Jacinto Moreno – baseado em fatos reais - Longa



A ESCOLHA
Jacinto Moreno  -  Ficção - Curta Ficção - Longa



O MENINO E O MISTÉRIO -  
Jacinto Moreno -  Ficção -  Longa



 



 



ASSISTENTE DIREÇÃO



FEMININO PLURAL -  Fábio Mozart - Ficção - Curta



BEM ME QUER, MAL ME QUER - Marcos Veloso - Ficção - Curta



TENHO EM MIM TODOS OS SONHOS DO
MUNDO
  - Marcos Veloso- Ficção-Curta



 



FOTOGRAFIA:



FEMININO PLURAL - Fábio Mozart -  Ficção - Curta



MAL ME QUER, BEM ME QUER - Marcos Veloso - Ficção - Curta



 



 



 



 



 



 



 



 



SINOPSE:



O ANJO E A SERPENTE –   Filmado  - No interior do nordeste,  numa fazenda, duas crianças brincam,
pastoreiam os  animais e dai, surge uma
amizade profunda entre eles, e que inocentemente, fazem um pacto de amor que
acaba numa tragédia entre as duas familias.



 



GERALDO POR GERALDO Filmado
- Documentário sobre a vida do artista plástico Geraldo Correia de Oliveira,
da cidade de Santa Rita-Pb, foi funcionário da extinta Tv excelsior na funçao
de cenógrafo, foi ao exterior onde conseguiu expor alguns de seus trabalhos em
cidades diferenciadas, contado por ele mesmo.  



 



TAXI  -  



Filmado
- Mulher decide rever sua família,
toma um Taxi ,vai a sua residência, observa os filhos e o marido e volta a sua
morada eterna



 



 UMA LUZ NO FIM DO TUNEL



Filmado - Mulher abandona a família e joga-se no abismo da  Alcoólismo. 
Desacata autoridades e vai parar na prisão. Nos alcoólicos Anônimos, ela
faz uma  analise da vida pregressa que
levara no passado  e uma luz divina a
transforma numa verdadeira mulher ,  e
volta a ser o que era antes,  com marido
e filhos ao seu lado, protegendo-a.



 



VIVENTES



Filmado
 - A
Sociedade em que vivemos, desprezada pelos Governantes, faz com que o homem
sobreviva neste mundo,  e  tende fazer qualquer coisa de honesto diante
do poder divino e provar que se pode viver 
com dignidade, nas ruas, catando papeis e lixo pra sua sobrevivência,
sem usar de violência contra os seus 
 Homens catam lixo nas
ruas pra sobreviver.                                                       



 



 CAMINHANTE



Filmado
 -  Um
homem, 
um louco entre outros milhares de loucos que vivem nas ruas a
perambular, Um Mendigo de Origem
incógnita, misteriosa,ignorada,  reflete,
critica e denuncia o sistema social, a complexidade do ser humano, através de
seus conhecimentos, de seus pensamentos, de sua ideologia de vida... é um homem
altamente sábio. Na sua condição do seu “ Ser “ ele
procura perturbar e instingar os seus seguidores a conhecerem o interior da
alma humana... Seu objetivo é fazer
com que alguém nesta multidão, consiga captar todos os seus ensinamentos  e que dê continuidade a sua filosofia de vida
a qual está pregando.



 



APARIÇÃO



PRIMEIRO LONGA
METRAGEM
-  Filmado - Filme baseado em
fatos reais e numa adaptação livre, acontecida entre o período de 13 de Maio á
13 de Outubro de 1.917, no vilarejo, COVA DA IRIA, na cidade de FÀTIMA,
PORTUGAL, quando N.S. de FÁTIMA aparece aos 3 pastorinhos.  A primeira Aparição  acontece no dia 13 de Maio e na última, ela
revela  o segredo a Lúcia e acontece o
Milagre  do sol, isso, todos observam
.



 



 



 




ESCOLHA



Filmado -
Todos os dias o pai leva seu filho pra escola, na saída do pai, o menino desvia
da rota diária e um dia, os pais descobrem misteriosamente dinheiro na mochila
do filho e um dia, esse menino se envolve no submundo das drogas... de quem é a
culpa? Dos pais?da sociedade?



 



O MENINO E O
MISTÉRIO



SEGUNDO LONGA METRAGEM
 Filmado - O Menino é misterioso, ele
aparece e desaparece e não sabe sua origem, de onde veio e pra onde vai,
perambula pelas ruas da cidade, pessoas desejam conhecê-los mas ele não se
revela,                                                  
é,
um andarilho comum entre muitos que circulam e segue sua trajetória. Pra uns,
ser comum, pra outros, indiferente, dentro da sociedade em que vivemos.
Altamira é doméstica, alcoólatra, é uma mulher da noite e altas horas ao chegar
em casa, observa um menino misterioso que chega e sai num objeto sinistro, ali,
pertinho de sua casa. O menino faz amizade com a turma da escola e é adotado
pela família onde Altamira trabalha. O encontro entre Altamira e o menino é
fatal,  e, Fatos misterioso e curiosos se
espalham pela cidade e ela tenta alertar ao povo sobre esses acontecimentos,
mas, não lhes dão ouvidos.



 



 



 



A CABEÇA DA SANTA –   não filmado - Adaptação livre da peça
teatral de Tarcisio Pereira - Uma tragicomédia acontecida no sertão nordestino,
-  Um ex-cangaceiro,  JOÃO UBALDO, abandona a vida de cangaço e se
destina a esta cidade pequena e pacata, a fim de se regenerá da vida que levava
no cangaço. Encontra em FRIDA CAIÁ,  uma
rapariga de bordel, a mulher dos seus sonhos. JOÃO UBALDO,  vende  
fumo de rolo na feira e resolve 
vender o fumo na festa da igreja, coisa que o padre não aceita e daí,
cria-se um clima de tensão entre os dois.



 



ESPANTA GATO –    não filmado - Uma adaptação livre da
peça teatral de  Luiz Maranhão Filho -
Comédia de costumes, acontecida no sertão nordestino, envolve duas bandas de
musicas – Espanta gato e Pirão na unha - que se destinam a tocar
retretas na festa da padroeira, cada qual querendo ser a melhor, e o Padre fica
entre as duas, sem poder tomar uma decisão correta, em qual lado deve ficar,
numa decisão bastante complicada pra ele.



 



RIFLE DE OURO –  não filmado - ( Parceria com Marcos
Veloso) -  acontecida no sertão
nordestino, conta a história do maior cangaceiro de todos os tempos, ANTONIO
SILVINO, homem pacato, entrou no cangaço por necessidade, mas, a partir dai,
com intuito de vingança, formou um bando de cabras e saiu de mata a dentro,
matando, destruindo, saqueando cidades, lutando conta a policia nesses sertões
do nordeste, e  ferido, preso, foi  tratar de sua saúde. Uma acontecido  nunca mostrada no cinema do brasil.



 



UMA FORCA PARA MEU PAI -    não filmado - aventura, na linha do
bang bang á italiana, onde bandidos desacatam, se apoderam do poder do
lugarejo, destruindo e matando inocentes, 
e um homem, destemido, tomando  as
dores do povo,  resolve  por si, colocar a ordem na  cidade, destruindo badidos e deixando tudo na
tranquilidade.



 



INIMIGO ÍNTIMO –   não filmado - um filme de Terror. Um
ser maligno, misterioso, tenta a todo custo se apoderar da alma e do corpo de
uma jovem evangelica, e o postar que com sua força misteriosa,
fortalecendo-se  do poder de Deus,
consegue afastá-lo, devolvendo ao seu lugar de origem e trazendo a paz para
esta jovem.



Admin · 4 vistos · Deixe um comentário
09 Maio 2016 


BALACUBACU                      (lapa de Minhoca)



Musica de Jacinto Moreno



 



É UM BALACUBACU



EI!... 
EI!...                                                   
REFRÃO.



É UM BALACUBACU



EI!... EI!...



É UM BALACUBACU!... É A CATINGA DO MEU SUVACO



I



MEU SUVACO É FEDORENTO, NÃO TEM QUEM AGUENTE NÃO...



MEU SUVACO FEDE MUITO, DERRUBA ATÉ AVIÃO



QUEM CHEIRAR NO MEU SUVACO, VAI CAIR AQUI NO CHÃO.



II



MINHA NEGA  É
FEDORENTA, MEU SUVACO FEDE MAIS



O QUE É QUE EU FAÇO AGORA, PRA RIMAR Ó MEU RAPAZ



DIZEM QUE PASSAR LIMÃO, A CATINGA SE DESFAZ.



III



NA CRENDICE POPULAR, ACREDITA QUEM QUIZER



QUE LIMÃO TIRA A CATINGA, ATÉ MESMO DO CHULÉ



POIS TIROU DO MEU SUVACO, E TAMBEM LÁ DO MEU PÉ.



Admin · 6 vistos · Deixe um comentário
09 Maio 2016 


RELAÇÃO
ATORES/PERSONAGENS/FALAS:



“ APARIÇÃO
“  FILME DE JACINTO MORENO.



01 -      Raissa Aranha Vasconcelos                              LUCIA                                 44  Falas



02 -      Ranya Aranha Vasconcelos                              JACINTA                             35  Falas



03        Ivonaldo  Rodrigues 
Chaves                         PADRE JOVEM                    28  Falas



04 -      Horieby Ribeiro                                             DELEGADO                          26 Falas



05 -      José Queiróz                                                          FRANCISCO                        25  Falas



06 -      Eva Cristie                                                              MAE DE LUCIA                  22  Falas



07  -     
Otacilio Lima                                                 BISPO                                 20 Falas



08  -     
Emanuel  Felipe                                                  JOSUÉ                                 17 Falas



09   -     Andeza
Ribeiro ( Horieby)                               VIRGEM                             11  Falas



10  -     Valéria    Araujo                                              MÃE DE JACINTA             11
Falas



 



11  -      
Ericson Marques                                              
PAI  DE JACINTA                  06  Falas



12   -     
Rosando Aranha                                               
PADRE – VELHO                 
05  Falas



13  -       Edilete Bezerra                                                 
JORNALISTA                        
04  Falas



 



14   -     
Daniel   Astolfi                                                  
PAI DE LUCIA                      
02  Falas



15   -     
Cida Melo                                                          
TIA DE LÚCIA                      
02 Falas



16   -     
Ricardo Moreira                                                
CARCEREIRO                       02 Falas



17   -     
Laura Domingos                                                 LAVANDEIRA 01                 02 Falas



 



             NA RUA C/JOSUÉ:     ATORES C/ 01  FALA.



18    -  
Elza Queiróz/ MULHER  01    -    
19 -  Mirtes Melo/MULHER 02   -  20
-  Dione Silva/MULHER 03  -  21 -
Tonnya Maiara/MULHER 04  -  22 – Vera Portugal/MULHER 05  - 23 - Dandara Rots/MULHER 06 – 24 – Elayne
Maranhão/MULHER 07 –  25 – Ana
Paula/MULHER 08 -      XXXX  
-   26 – Rivaldo Araujo/HOMEM
01  - 
27 – Joanderson Silva/HOMEM 02 - 
28 – Carlos Branco/HOMEM 03 -  29  -  Cristiano Costa/HOMEM 04  -  30 –
José Gomes/HOMEM 05 -  31 – Luis
Flávio/HOMEM 06 -



 



NO RIO
C/LUCIA E MÃE DE LUCIA -   ATORES C/01
FALA   



32 – Gilvania  Santos/LAVANDEIRA 02   -   33
-  Andreia /LAVDEIRA 03   - 34 – Kássia Leal/LAVADEIRA 04 -  35 – Ana Cristina/LAVADEIRA 05  - 



 



NA IGREJA C/PADRE/BISPO/CRIANÇAS
-  ATORES C/01 FALA



36 – POVO
01/ Paula  Zimbrusne   -  37
– POVO 02/Rafael  - 38 -  POVO 03/ Lena Varela -  39 – POVO 04 /Neide  - 40 – POVO 05/Jô Custódio  - 



NA COVA DA IRIA/TODOS  EM CENA -  
ATORES C/01 FALA



41 – Lêneton
de Oliveira/GENTE 01  -  42  -Emiliano
Gomes/GENTE 02  -  43 – Lucinha Costa/GENTE 03   -   44
-  Silvia Santos/GENTE 04  -   45
– Denis/ GENTE 05        46 -  Andreia Monteiro/GENTE/06 .                     



Admin · 3 vistos · Deixe um comentário
09 Maio 2016 

Jacinto Moreno

- dados curriculares do ator

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ator,  com  60  anos  de  idade,  Jacinto  Moreno  reside  em  João  Pessoa,  na

 

Paraíba, onde trabalha com cinema e teatro. Atou na minissérie Geração Saúde

 

2, com 15 episódios, pela TV Escola, Brasilia-DF, com direção de Danielle Cucchiarelli, e também nos filmes O Meio do Mundo (de Marcos Villar), Transubstancial   (Torquato Joel), O Sonho de Inacin (Eliezer Rolin), Água Barrenta (Thiago  Pena),    Mata  Sete  (Glaucia  Guimarães)  e  Debaixo  dos Lençóis (Mabel Dias), entre outros. É também cineasta e já dirigiu vários roteiros de sua própria autoria. Participou dos longas O Grande Kilapy (do diretor angolano Zezé Gamboa), e Canta Maria (de Francisco Ramalho Jr.), e teve rápida participação na novela Vereda Tropical, dirigida por Guel Arraes. É ator com grande atuação no teatro desde 1978.

 

 

Segue uma cena sua na Minissérie Geração Saude 2, com o personagem Seu Romero:

 

ww.youtube.com/watch?v=Nn_2vrq3jto



Admin · 3 vistos · Deixe um comentário

Página precedente  1, 2, 3, 4